Gabriel de Ségur, Amanda Senedesi e Amanda Nespatti, fundadores da IZA- Crédito divulgação

A insurtech IZA, seguradora digital lançada há cinco meses, recebeu R$ 13 milhões em duas rodadas com investidores anjo. A empresa lançou a operação em abril deste ano, oferecendo um seguro digital, em plataforma mobile e web, com apólice de R$ 30 mil para proteção dos segurados em caso de acidentes, a um valor mensal acessível, inferior a R$ 1 por dia.

O plano integra cinco coberturas decorrentes para serem acessadas em caso de acidentes (atendimento médico, hospitalar e odontológico; incapacidade temporária; invalidez permanente; morte e assistência funeral). O valor é usado como uma poupança, na qual o segurado tem autonomia para utilizar a proteção financeira de acordo com a necessidade do seu sinistro.

De acordo com Gabriel de Ségur , CEO e fundador da IZA, a investida no mundo digital ganhou vida após o projeto participar e ser aprovado na primeira turma do “sandbox” regulatório organizado pela Superintendência de Seguros Privados (Susep), um ambiente criado para que empresas apresentem novos produtos e serviços para o mercado de seguros.

“Nascemos com a ideia de desenvolver uma solução que permitisse proteger o brasileiro que só depende dele para sobreviver. Ou seja, todos que não podem contar com um plano de saúde, que, caso não consigam trabalhar, não têm poupança para tratamento médico adequado. Como trabalhei a vida toda com seguros, vi a oportunidade de lançar produtos mais adequados a essa população, hoje desassistida pelo mercado tradicional”, diz Gabriel de Ségur, CEO e fundador da IZA.

Ao lado de Gabriel, completam o trio de fundadores Amanda Senedesi e Amanda Nespatti. Eles desenvolveram um modelo voltado a atender uma demanda de profissionais autônomos e de empresas de prestação de serviço, até então à margem dos grandes players, na definição da empresa.

Os recursos investidos serão utilizados para reforçar e ampliar canais de distribuição e fechar modelos inovadores de parceria com empresas interessadas em oferecer benefícios para funcionários e prestadores de serviço.

“Podemos personalizar o produto conforme a necessidade de cada cliente, principalmente de empresas. A IZA consegue fazer a proteção no formato intermitente, ou seja, por um dia, por algumas horas, durante uma entrega ou prestação de serviços, dependendo do segmento em que o cliente trabalha”, completa Ségur. (Com assessoria).