Binance Coin em crise faz cair mercado de cripto- Crédito: Freepik

Crédito: Freepik

A Binance Coin (BNB) sendo investigada pela Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) provoca queda no mercado de criptomoedas nesta terça-feira, 7. O Bitcoin foi negociado abaixo de US$ 30 mil, caindo 5,88% desde ontem, enquanto o Ethereum caiu mais de 7% nas últimas 24 horas, chegando a US$ 1.763.

A maior queda, no entanto, foi sofrida pela Binance Coin (BNB). A quinta maior moeda digital por valor de mercado,  caiu 9% em 24 horas e 11% semana a semana.

Um dos maiores ofensores da queda da BNB deveu-se ao fato de a Bloomberg ter revelado ontem que a oferta original da Binance para Binance Coin em 2017 não foi registrada pelo regulador. Isso fez com que a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) tomasse medidas, examinando a oferta.

A Binance já é alvo de investigações do Departamento de Justiça, da Commodity Futures Trading Commission (CFTC), agência independente do governo dos Estados Unidos que regula os mercados de futuros e opções, e do Internal Revenue Service, serviço de receita do Governo Federal dos Estados Unidos, que faz parte Departamento do Tesouro..

De acordo com a Bloomberg, a SEC também está investigando empresas formadoras de mercado de propriedade direta ou parcial do CEO da Binance, Changpeng Zhao. O foco está nas transações com a subsidiária americana Binance.US.

O token BNB foi criado em julho de 2017 como um token ERC-20 na blockchain Ethereum antes de ser migrado para sua própria cadeia Binance. A oferta inicial de 100 milhões de tokens a 15 centavos por token levantou US$ 15 milhões. O BNB está sendo negociado atualmente a US$ 282,90.

A Binance Coin se recuperou de sua baixa da área de US$ 219,98 para perto da retração Fibo de 50% de US$ 339,98. Aqui, a resistência ficou muito forte e ocorreu uma queda abaixo da retração Fibo de 38,2% de US$ 311,66.

Atualmente, está testando o suporte da retração Fibo de 23,6% em US$ 276,62. Se houver um fechamento diário abaixo desse suporte hoje, espere mais perdas em direção à baixa de US$ 219,98.

Apenas um aumento sustentado acima da retração Fibo de 50% seria um sinal de que o recente surto de fraqueza acabou.

(Com Investing.com Alemanha)