Empresas ajudam jovens a gerir dinheiro - Crédito: Freepik

Crédito: Freepik

As empresas Blue3 Investimentos em parceria com a edtech MooneyEdu se unem para levar educação financeira gratuita aos jovens do ensino público, na faixa de 14 a 24 anos, e que estão inseridos em programas de aprendizagem vinculados a alguma instituição não governamental.

A iniciativa das empresas atenderá 1.100 estudantes que já estão no mercado de trabalho como menores aprendizes. A primeira etapa do programa, que terá início este mês, beneficiará 450 jovens com as primeiras turmas em Ribeirão Preto-SP e Goiânia-GO.

“A Blue3 quer incentivar a cidadania financeira, a disseminação de informação gratuita e a construção de legados. Investir em jovens que estão iniciando no mercado de trabalho e com a acesso a remuneração é ensinar no ‘berço’ o desafio de gerir o dinheiro”, diz Wagner Vieira, CEO da Blue3 Investimentos.

Eleita como o melhor escritório de assessoria de investimentos e a melhor mesa de renda variável do país pela rede XP Investimentos, a B3 tem R$ 16 bilhões sob custódia, 24 mil clientes ativos, cerca de 670 profissionais envolvidos na operação.

Em Ribeirão Preto, o curso será realizado na sede da Blue3 e atenderá 120 jovens. Já em Goiânia, cidade onde a empresa acaba de inaugurar sua maior unidade comercial, serão 330 jovens.

MooneyEdu

Com a missão de melhorar a qualidade de vida das famílias a partir do ensino de Educação Financeira de maneira prática, simples e humanizada, a MooneyEdu trabalha com o conceito de Alfabetização Financeira, com o objetivo de desenvolver a competência financeira dos alunos de forma integral, dos conceitos técnicos às habilidades socioemocionais.

Já são mais de 17 mil alunos beneficiados com a plataforma por meio de 110 escolas parceiras em todo o Brasil. A Mooney é uma das cinco ganhadoras do Programa de Aceleração Meu Bolso em Dia da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) em parceria com o Banco Central.

(Com assessoria)