Estreia da Getnet na B3 - Crédito: Divulgação

Crédito: Divulgação

As ações da Getnet, empresa credenciadora do Santander, tiveram um pregão movimentado nesta segunda-feira,18, estreia dos papéis.

A unit da companhia (GETT11) fechou com alta de 63,57%, a R$ 7,72, após chegar a 96,61% na máxima do dia. O volume negociado foi de R$ 24,6 milhões.

Já os ativos ordinários (GETT3), que tiveram giro financeiro de R$ 9,19 milhões, registraram a maior variação percentual, fechando em alta de 142,73%, a R$ 5,40, após chegarem a 464,41% na máxima do dia.

Os papéis (GETT4), por sua vez, fecharam com alta de 95,85%, a R$ 4,97, chegando a 349,21% na máxima do pregão. A movimentação financeira foi de R$ 11,33 milhões.

A GetNet foi fundada em 2003, no Rio Grande do Sul, sendo comprada pelo Santander em 2014. Na cisão, para cada 1 ação ou unit do Santander, o acionista recebeu 0,25 ação da companhia. A credenciadora já chega na Bolsa com cerca de 16% de market share, totalizando 876 mil clientes ativos.

“Este passo estratégico permitirá que exploremos todo o potencial dos nossos negócios, dentro da PagoNxt, uma nova plataforma global de pagamentos focada em tecnologia, que reúne os negócios de pagamento mais disruptivos do Santander”, explica Pedro Coutinho, CEO da Getnet no Brasil.

Ibovespa fecha com leve queda

O Ibovespa terminou o dia em queda de 0,19%, aos 114.428 pontos. O volume negociado ficou em R$ 29,3 bilhões. O Ibovespa futuro com vencimento em dezembro de 2021 opera entre perdas e ganhos no after market aos 114.880 pontos, ligeira queda de 0,1%.

O dólar comercial voltou a subir e fechou com alta de 1,21%, a R$ 5,520.

(Com assessoria)