Sede do Banco Central em Brasília vista de baixo do prédio

Crédito: Flickr BC

O Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira, 14, considerado pelo mercado uma ‘prévia’ do Produto Interno Bruto (PIB), teve alta em abril deste ano de 0,44%, após recuar em março.

Em 2021, o IBC-Br acumula alta de 4,77%, enquanto nos últimos 12 meses o indicador tem queda de 1,2%.

Com o crescimento registrado em abril de 2021, o IBC-Br atingiu 139,65 pontos, ficando acima do patamar registrado antes da pandemia da Covid-19 (139,35) registrado em fevereiro do ano passado.

O indicador do Banco Central leva em conta o desempenho dos setores da economia – agropecuária, indústria e serviços -, incorporando a produção estimada para os três setores, acrescida dos impostos sobre os produtos. (Com assessoria de imprensa)