Crédito: Divulgação

O Itaú informou em fato relevante à Comissão de Valore Mobiliários (CVM) que o banco central americano, o Federal Reserv (FED), aprovou a reorganização societária envolvendo o investimento do Itaú Unibanco Holding S.A. na XP Inc. A reestruturação ocorre com a segregação da participação no capital da XP Inc. Na operação, será criada a XPart, conforme aprovado em assembleia geral extraordinária do Itaú em 31 de janeiro. Aguarda-se, ainda, que a operação de segregação seja homologada pelo Banco Central do Brasil.

O Itaú destaca que, com a manifestação do FED, implementam-se hoje a reorganização societária do Itaú Unibanco e a consequente constituição da XPartS.A, fazendo com que os acionistas do Itaú Unibanco tenham direito ao recebimento de participação acionária na XPart na mesma quantidade, espécie e proporção das ações por eles detidas no Itaú Unibanco. As ações continuarão a ser negociadas com direito ao recebimento dos valores mobiliários de emissão da XPart até a data de corte, que ainda será determinada.

Com isso, a Itaúsa passa ater direito a uma participação acionária na XPart equivalente à que detém no Itaú Unibanco, ou seja,37,32% e, consequentemente, uma participação no capital total da XP de 15,12%.