Cifrões prateados

Crédito: Freepik

A XP lança um fundo de investimento em direitos creditórios (FIDC) de mais de R$ 500 milhões voltado para capital de giro de médias empresas. O lançamento do FIDC está em linha com a visão da XP de desintermediação do acesso ao crédito.

“Queremos aproximar os investidores das empresas que necessitam de recursos e tornar mais acessível o mercado de capitais para empresas de menor porte. Acreditamos muito no produto e no modelo de negócio, tanto que estamos adquirindo as cotas subordinadas.”, diz José Berenguer, CEO do Banco XP.

O ecossistema da XP permite que ela conecte investidores a empresas que necessitem de recursos para suas operações. “O FIDC é o veículo que possibilita a desintermediação financeira através da securitização”, reforça Rodrigo Moreira, head da XP Empresas, frente de negócios da XP focada no atendimento a empresas com faturamento de até R$ 1 bilhão.

O Banco XP atuará na análise inicial de crédito e como agente de cobrança dos direitos creditórios do fundo. Além disso, fundos de investimento com capital próprio da XP deterão cotas subordinadas do FIDC. (Com assessoria de imprensa)