Crédito: divulgação

O Mercado Livre, empresa de e-commerce, anunciou hoje, dia 11, a ampliação de sua infraestrutura logística com a criação de dois novos centros de distribuição no país: um em Franco da Rocha (São Paulo), que será inaugurado ainda neste ano, e outro em Belo Horizonte (Minas Gerais), cujo lançamento está previsto para 2022.

Com cerca de 12 milhões de vendedores em sua plataforma no Brasil, a empresa espera fechar o ano com oito centros de distribuição no país, 18 centros de transferência de produtos e elevar a malha de centros de armazenamento de última milha dos atuais 80 para 100 unidades.

De acordo com o Mercado Livre, 91% das entregas no segundo semestre foram feitas dentro da malha logística da companhia no Brasil. Em 2.100 cidades do país a empresa consegue entregar produtos em até um dia. Entregas feitas no mesmo dia da compra são realizadas em 50 cidades, disse o executivo.

Ao todo, a infraestrutura logística da empresa de e-commerce supera o 1,2 milhão m². 72% do espaço é para as operações de fulfillment. Fora dos centros, a malha logística própria da companhia conta com uma frota de veículos composta por 51 carros elétricos, 260 caminhões, 10 mil vans, 4 aviões e 8 carretas.