Crédito Foto: Divulgação

Matéria atualizada às 16h52

A PagSeguro informou que não pretende comprar o banco BV, controlado pelo Banco do Brasil e Grupo Votorantim. Por meio de comunicado, a empresa diz que “não pretende adquirir o banco BV e não há acordos relacionados para fazê-lo.”

A empresa se diz feliz com sua trajetória de 15 anos “em servir nossos 7 milhões de comerciantes ativos e 10 milhões de clientes ativos do PagBank, um resultado incomparável desde o lançamento oficial de nossa estratégia bancária em maio de 2019, atingindo apenas em 2020 mais de R$ 500 milhões em Receitas de PagBank.”

A notícia da possível compra do Banco BV teve forte reação negativa no mercado e as ações da PagSeguro caíam mais de 18%. Por volta das 14h30, os papéis PAGS apresentavam queda de 18,5%, cotados a US$ 45,66.