Mulher entrando em uma agência da Caixa Econômica Federal

Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Governo Federal divulgou nesta terça-feira, 15, a antecipação do calendário de transferências e saques da terceira parcela do Auxílio Emergencial 2021 para famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica. Com a determinação, o crédito dos recursos começa a ser depositado na conta poupança digital dos beneficiários já no próximo dia 18 de junho.

De acordo com o ministro da Economia, Paulo Guedes, o auxílio, que terminaria em julho, será prorrogado por mais três meses. Segundo Guedes, os recursos para a prorrogação do auxílio emergencial serão viabilizados por meio de abertura de crédito extraordinário. Atualmente, o custo mensal do programa, que paga um benefício médio de R$ 250 por família, é de R$ 9 bilhões.

A plataforma da Dataprev foi atualizada com a lista dos novos beneficiários. Além de realizar o saque ou transferência do benefício, o usuário pode movimentar o seu dinheiro utilizando os próprios recursos do Caixa Tem. Com ele, o beneficiário consegue pagar boletos e contas, fazer compras online com o cartão de débito virtual e compras presenciais com o QR Code, realizar recargas no celular além de utilizar os serviços do Pix. (Com Agência Brasil)