WhatsApp lança serviços de API gratuito em nuvem - Crédito: Freepik

Crédito: Freepik

O WhatsApp está lançando serviços de API gratuitos baseados em nuvem para fazer mais empresas usarem o aplicativo, anunciou nesta quinta-feira, 19, Mark Zuckerberg, presidente-executivo da Meta.

O serviço de mensagens, que tem atraído cada vez mais usuários corporativos, é uma das várias plataformas para as quais a Meta, dona do Facebook, lançou mais recursos voltados para compras e negócios.

Zuckerberg disse em comunicado que a oferta significa que “qualquer empresa ou desenvolvedor pode acessar facilmente nosso serviço, projetar diretamente no WhatsApp para personalizar sua experiência e acelerar o tempo de resposta aos clientes usando nosso seguro WhatsApp Cloud API hospedada pela Meta.”

O serviço de mensagem mais popular ao redor do mundo já tem uma API, um tipo de interface de software, para empresas conectarem seus sistemas, o que gera receita.

A Meta, que comprou o WhatsApp por US$ 19 bilhões em 2014, disse que as empresas não poderão enviar mensagens para as pessoas no aplicativo, exceto se elas pedirem para ser contatadas.

Popularidade no Brasil

O WhatsApp goza de muita popularidade entre os usuários brasileiros. De acordo com pesquisa desenvolvida pela  consultoria Sensor Tower, o serviço de mensagem está posicionado em quarto lugar entre os aplicativos mais baixados durante  2020. A estimativa é de que cerca de 120 milhões de brasileiros utilizem o app.

Em maio do ano passado, a empresa lançou a ferramenta de Pagamentos no WhatsApp. O recurso já havia sido lançado em 2020, mas foi suspenso pelo Banco Central. Após a aprovação do Facebook Pay pela instituição, a funcionalidade foi liberada.

O WhatsApp Pay, ferramenta de pagamentos, possibilita o envio de dinheiro por meio de transferências dentro do aplicativo.

A iniciativa tem como objetivo facilitar os pagamentos de rotina por meio das conversas do app. Permite também que sejam realizadas transações com cartão das bandeiras Visa e Mastercard.

(Com Reuters)